Inicio >> Como Montar Sexshop >> 8 coisas para saber antes de comprar um produto erótico

8 coisas para saber antes de comprar um produto erótico

 Ignorar isto pode ser ruim para a sua saúde

Brinquedos sexuais não são somente mais uma experiência diferente no sexo. Mais pessoas estão descobrindo os benefícios que eles podem trazer para suas vidas sexuais, independentemente do status de relacionamento ou preferências sexuais. Mas, embora possa não ser sexy falar disto, tais objetos precisam ser escolhidos e tratados com cuidado.

O sexo e o relacionamento exercem papéis importantes na vida das pessoas, e é muito importante explicar como introduzir e usar um acessório erótico novo com segurança. Fazer as escolhas certas e pensar sobre a sua saúde não só irá mantê-lo seguro, mas maximizar o seu prazer.

Aqui estão as dicas importantes:

1. Preferência pessoal

O que é bom para uma pessoa não necessariamente vai ser tão incrível assim para outra – algumas pessoas têm alergias (como com o látex) e outras precisam evitar o ftalatos – plastificantes químicos que têm sido amplamente utilizados desde a década de 1950 para suavizar plásticos que de outra forma seria quebradiço e racharia quando envergado, mas que provoca infertilidade.

Sempre verifique as informações na embalagem quando você está comprando um brinquedo sexual para se certificar de que é seguro para você. Todos os bons produtos ​​terão informações da composição e maiores detalhes sobre o produto.

Qualquer material seguro, como silicone ou plástico ABS, pvc, ou látex deve ser ok para a inserção corporal. Se, no entanto, tiver qualquer desconforto ou reação alérgica, pare de utilizar imediatamente e, se o problema persistir, procure aconselhamento médico.

2. Comece simples

Se você é novato no uso de sextoys, não escolha o brinquedo mais intimidante (maior, mais caro, mais hightech) da loja. Comece com os pequenos, mais simples e fáceis de manipular, você sempre pode trabalhar seu caminho até acessórios mais avançados e sofisticados. No mundo dos brinquedos sexuais, lenta e constantemente se experimenta grandes prazeres. É o caminho natural do conhecimento do seu corpo e do empoderamento sexual. Se você não respeitar esta dica as chances de escolher errado são grandes.

3. Pense limpo

Os brinquedos sexuais devem ser limpos antes e depois de cada uso para garantir que fiquem livres de poeira e sujeira e absolutamente higiênico. Você pode comprar higienizador especifico para acessórios que são ótimos para limpeza. Não use lenços de bebê.

O líquido de limpeza do acessório é barato e deve ser usado com água morna (se o brinquedo é impermeável e permite). Vale a pena notar que alguns acessórios sexuais devem ser limpos de uma determinada maneira e que os usuários devem sempre ler as instruções cuidadosamente antes de usar, na dúvida consulte o vendedor.

Lembrar:

  • Retirar as pilhas e vedar bem os compartimentos da bateria antes de limpar
  • Deixar seus brinquedos sexuais secar completamente (colocado em papel toalha é o ideal), ou secar com uma toalha limpa sem fiapos
  • NÃO guarde seus brinquedos sexuais antes que estarem totalmente secos
  • NÃO deixe seus brinquedos sexuais em um aquecedor ou ao lado de uma fonte de calor para secar

4. Faça sua pesquisa

Os comentários e os blogueiros do YouTube podem ser super úteis quando se trata de escolher os produtos eróticos certos. Dica chave aqui é: fazer sua pesquisa, especialmente se o produto que você deseja é mais caro. Sites bons de sex shops fornecem vídeos explicativos sobre todos os produtos para que você possa aprender a usá-los com segurança.

5. Considere o armazenamento

Você precisa ter cuidado ao armazenar produtos eróticos.  Eles podem ser bastante “reativos” quando colocado ao lado de determinados materiais ou se opor quimicamente a outros. Se você misturar seus brinquedos sexuais (especialmente de silicone, borracha, látex, cyberskin e jelly), você pode descobrir logo que eles começam a derreter ou ficar ligeiramente disformes. Portanto, armazene seus brinquedos sexuais separadamente se você não quiser ter uma surpresa desagradável. Um monte de produtos eróticos de luxo agora vem com suas próprias bolsas e caixas especiais, permitindo que você os armazene individualmente.

Você pode comprar também almofadas, bichinhos e sacos de armazenamento por tão pouco ou simplesmente usar uma caixa de papelão, envelope ou até mesmo uma meia para garantir que os materiais não se toquem.

6. Esteja aberto com seu parceiro

É melhor ser aberto, honesto e direto com seu parceiro (a) sobre o uso de acessórios sexuais e qualquer desejo particular que você tenha.

Aborde o assunto de uma forma casual fora do quarto. Mencione que você viu recentemente um “produtinho sexual” para venda com sua consultora de maquiagem ou lingerie e como ela fez você rir. A julgar pela reação de seu parceiro, você saberá imediatamente se dá para ir adiante com esta história (estou torcendo para que sim!). Ao manter uma conversa leve e quase jovial, você pode facilmente dispersar qualquer tensão e será mais fácil avaliar o que ele (a) pensa da idéia.

7. A comunicação é fundamental

A parte mais importante do uso de brinquedos sexuais juntos é para se comunicar, ampliar o dialogo e repertório sexual.

Experimente usar vibradores em todas as partes do corpo e se começar a estimular um ponto de prazer em particular – deixe seu parceiro (a) saber que ali é sua nova zona erógena favorita! Se em algum momento você começar a se sentir entorpecido ou desconfortável, fale – seu parceiro (a) não saberá a menos que você DIGA!

8. Segurança em primeiro lugar

Sempre use apenas o brinquedo sexual para a finalidade para a qual foi projetado. A segurança é a primeira consideração do bom fabricante de produto erótico, tanto para acessórios, quanto cosméticos, mas os problemas podem ocasionalmente ocorrer se você ignorar as instruções.

Um bullet não serve para introduzir no ânus, por exemplo, alias nenhum vibrador sem base de segurança serve para esta finalidade. Maior que 17 cm pode inclusive perfurar o intestino.

E o mais importante, use preservativo, além de aumentar a vida útil do seu acessório, garantirá a melhor higiene dele e preservará sua saúde.

Por Paula Aguiar, autora do ebook “Vibrador, o livro” e ABC erótico, o dicionário do sexo.

Conheça mitos e verdades sobre quem vai à sex shop

LEIA TAMBÉM

Último grande evento do Mercado Erótico de 2017 acontece em SP

Vem aí o evento mais esperado do ano no mercado sensual! O 6º Congresso Nacional A …